Apresentar razões



Maltratar um cão é a mesma coisa que maltratar uma mosca?


Todos gostaram do lanche filosófico e, no dia seguinte, o grupo de Anamar ainda conversava sobre as regras do diálogo filosófico.
Francisco – Quando damos a nossa opinião ou defendemos uma ideia devemos apresentar razões?
Anamar – Sim, se queremos que os outros compreendam os nossos pontos de vista ou se os queremos convencer de que estamos certos, devemos dizer porquê … justificar.
Carlos – Por exemplo, diz uma ideia que defendas.
Francisco – Deixa ver… defendo que não devemos maltratar os animais.
Carlos - Porquê?  Porque pensas assim? Quais as tuas razões?
Francisco – Bom… porque os animais são seres vivos…
Anamar - e por que é que os animais por serem seres vivos não devem ser maltratados?
Francisco - porque nenhum ser vivo deve ser maltratado!
Anamar- Muito bem…, mas, nesse caso porque é que nenhum ser vivo deve ser maltratado? Então as ervas daninhas não devem ser maltratadas?
Carlos – Claro! Percebo-te… todos os animais são seres vivos, mas há seres vivos que não são animais…as plantas.

Anamar – Foi isso que eu pensei! E outra coisa ainda: maltratar um cão é o mesmo que maltratar uma mosca?


Plano da discussão:

Apresentar razões

-        O que são razões?
-        As razões fazem parte do pensamento?
-        Podemos ter uma opinião sem razões?

Maltratar um animal

-        O que é maltratar um animal?
-        Os animais têm direitos?
-        Por que devem os animais ter direitos?
-        Os animais são objetos?
-        Os animais são seres que sentem dor e prazer?
-        Concordas que os animais não devem ser maltratados?
-        Apresenta razões para defender que “não devemos maltratar os animais”

-        Maltratar um cão é o mesmo que maltratar uma mosca?

1 comentário:

  1. Muito bom, Lena! Parabéns!
    Eu própria estou a aprender a filosofar.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...